Escola da Correlhã – Fonte de Vida

Destaque, Referências — By on 20/03/2013 18:44

Neste segundo período, o Projeto “ Rio Lima Fonte de Vida” contou com a colaboração do atleta Nuno Barros, que nos agraciou com uma interessante palestra sobre o desporto no rio Lima.

NB5

NB6

NB4

Para homenagear o atleta foi preparada uma exposição com trabalhos elaborados em família alusivos ao rio Lima e aos desportos náuticos. A imaginação e a criatividade manifestaram-se na riqueza e diversidade dos trabalhos apresentados.

NB2

A importância do rio na vida da população também passa pelo lazer e desporto e nada melhor do que a presença deste tão famoso atleta da terra para despertar nas crianças o interesse pelo desporto aquático. Este ciclo de palestras iniciou-se no período anterior com a preciosa colaboração do Sr. Amândio Vieira (fotógrafo de Ponte de Lima), que numa linguagem acessível às crianças nos presenteou com uma palestra/conversa sobre o Rio Lima, rio que ele tanto ama; filmes antigos e mais recentes vieram relembrar as vivências do nosso povo.

NB

NB1

As Educadoras :

Lila Carvalho e  Arminda

 

Ecos da notícia no Jornal Altominho

O canoísta Nuno Barros serviu de mote para um trabalho dos alunos da EB1 da Correlhã no âmbito do projeto “ Rio Lima: Fonte de Vida.” O canoísta deu uma palestra, no anfiteatro da escola sede do Agrupamento, a dezenas de alunos que estiveram atentos às “lições de canoagem e de vida” sobre o exemplar percurso enquanto atleta de alta competição e militar da G.N.R.. Os trabalhos expostos contaram com a colaboração dos pais dos alunos integrados neste projeto e deixaram o atleta português com mais medalhas conquistadas na canoagem “ muito agradecido e orgulhoso” por receber esta homenagem na sua terra. O antigo campeão do Mundo, que treina há 19 anos e na última década como atleta de alta competição, promoveu também as várias atividades do Clube Náutico de Ponte de Lima. “ São necessários muitos sacrifícios, persistência e trabalho. Treinei durante cinco anos para ser campeão do Mundo, mas o nosso Clube para além de fazer campeões a prioridade é formar “homens”, adiantou. Para Nuno Barros a visita à escola da Correlhã foi um “orgulho”. “Transmiti a minha experiência desportiva e profissional. Acima de tudo os jovens têm de acreditar nos sonhos e trabalhar muito para que se tornem realidade”, apontou. Apesar de estar ao mais alto nível na canoagem ainda não é possível ser profissional em Portugal. “ Quero acreditar que isso vai mudar e alguns destes jovens poderão chegar a profissional na canoagem porque o desporto não é só futebol. A modalidade está a crescer e isso é importante”, registou.

Fonte: Jornal Altominho n.º 1108 pág. 38 de 20 de março de 2013Nuno Barros

Comments are closed.

Você é o Visitante nº

contador de acesso grátis

Muito Obrigado!