Maria Carlos Vence Prémio Revelação

Destaque, Referências — By on 03/04/2017 11:28

No dia 29 de Março de 2017, realizou-se, a entrega de prémios de concurso literário abrilhanta sessão de estreia de Poesia à Sexta
A primeira sessão de 2017 de “Poesia à Sexta”, que decorreu na passada sexta-feira, 24 de março, no Auditório da Biblioteca Municipal de Ponte de Lima, revelou os vencedores do “Concurso de Poesia” – competição destinada a premiar trabalhos inéditos e não publicados e a valorizar um dos géneros mais nobres da literatura local.

Maria Carlos Paredinha Pereira, aluna do 8ºA nº 14, da Escola EBI/JI da Correlhã, foi distinguida com o “Prémio Revelação”, enquanto José Cândido Rodrigues arrecadou o galardão na categoria “Modalidade Geral”. Depois da leitura dos poemas laureados, os restantes concorrentes envolvidos no desafio literário foram contemplados com certificados de participação, distribuídos pelo Presidente do Município de Ponte de Lima, Eng.º Vítor Mendes.

À cerimónia de encerramento do concurso, seguiu-se a iniciativa “Caminhos da Poesia” – momento marcado pela leitura musicada de poemas que influenciaram o crescimento, intelectual e emotivo, de Laura Correia, declamadora e mediadora da sessão. Perante uma sala lotada, a meia-luz, foram lidos textos de Tarcísio Trindade, Miguel Torga e Fernando Pessoa ortónimo – autores que lhe pautaram a infância e cuja recitação, acompanhada ao piano por João Jardel, foi rematada com “Eu sei que vou te amar”, de Vinicius de Moraes, interpretada por Paula Lima.

A segunda parte de “Caminhos da Poesia” – uma das mais emotivas da noite – fez-se de palavras cantadas. Depois da intensa leitura de “Menino Jesus”, do heterónimo pessoano Alberto Caeiro, ouviu-se a adaptação musicada por Adriana Calcanhotto dos versos de “O outro”, de Mário de Sá-Carneiro, e entoou-se – com a colaboração massiva do público – “Ser poeta”, de Florbela Espanca.

A declamação de três poemas de Sophia de Mello Breyner Andresen – “Para atravessar contigo o deserto do mundo”, “Retrato de uma princesa desconhecida” e “Nesta hora” – e a interpretação de “Porto sentido” – música celebrizada por Rui Veloso, da autoria do letrista Carlos Tê – encerraram a sessão de estreia de “Poesia à Sexta”, projeto dinamizado pela Biblioteca Municipal com o objetivo de divulgar composições poéticas em Língua Portuguesa.

Agradecimento especial à Professora Diná Marques pela impulsão e à Professora Teresa Amoedo, Professora de português.

Link da notícia: Maria Carlos a Revelação

Texto escrito pela Maria Carlos:

Poema_Vencedor_-_Premio_Revelacao

Comments are closed.

Você é o Visitante nº

contador de acesso grátis

Muito Obrigado!